sexta-feira, 7 de outubro de 2016

Tonella - Celestina!

Marcelo Tonella descreve os procedimentos médicos da cirurgia na kombi, nada menos que um transplante de coração. Bem sucedido, como se vê. Os cuidados e a paciência são características desse doutor, didático e explicito em seus vídeos, em língua que se entende sem ser mecânico. No teste a porta do motorista se abre, ela tem uma manha pra fechar e já abriu várias vezes. Por sorte, foi sempre só engraçado, não aconteceu nada demais. Agora eu já fecho e confiro antes de andar, assim não acontece esse problema - que só vai ser resolvido quando todas as trancas puderem ser tratadas. Ainda há outras prioridades mais iminentes e a grana é pingada.

Celestina tá com o coração pronto pra viagem de novembro. Com a primeira parada em Belorizonte, seguindo por Goiás, talvez Brasília, depois subindo até a fronteira oeste da Bahia, cruzando o sertão e o rio São Francisco pra chegar no Vale do Capão, na Chapada Diamantina. Vou com Adro, o gnomo cozinheiro, e bastante material pra espalhar pelo caminho. E no Capão encontro o retiro suficiente pra novos trampos, novos originais pra acrescentar no acervo. Lá encontro Clara, inspiração não vai faltar.

(Concluindo a história na postagem de 23 de novembro... a desse motor, claro, que as histórias não páram, enquanto há vida.)

6 comentários:

  1. Cara, você vai no Vale do Capão... Espero em breve ir até lá. Desça novamente ao meu Cariri.

    ResponderExcluir
  2. De coração novo a Celestina vai longe! Não poderia ter passado por mãos melhores. Salva pelo mestre Tonella, nosso professor e psicólogo automotivo. Boa sorte em sua viagem.

    ResponderExcluir
  3. Oie :)
    VOcê está em SP ainda? Tem previsão de até quando fica?

    ResponderExcluir
  4. Passa em Pirenópolis, Goiás.

    ResponderExcluir

observar e absorver

Aqui procuramos causar reflexão.